20/04/2009

"Ternura"


Solta essa emoção e junto
Com ela as palavras
Desse amor guardado no
Coração...

Vem sem promessas,
Somente deixando
Seu carinho construir a
Certeza de que a esperança
Irá brilhar em meu
Olhar...

Acolha-me na transparência
De um sentimento
Sem enfeites da
Perfeição...

Seja ternura quando
Docemente levar minha
Vida por sua mão...
E não se prenda ao querer
Me amar...
Somente assim acreditarei
Na felicidade a me abraçar...

(®Cida Luz)
14/04/09

Um comentário:

natashapoesias disse...

Minha grande amiga, seus poemas são lindíssimos, não tem como não amar tudo que escreve.
Bjos

Renata Mangeon